Imagem Corporativa

Diretor da Hays aponta os benefícios da diversidade no ambiente de trabalho

Notícia   •   Dez 11, 2015 17:44 GMT

Apesar dos benefícios trazidos pela diversidade de gêneros no local de trabalho, muitos empregadores ainda ignoram os benefícios reais e duradouros que uma força de trabalho diversificada pode oferecer.

A pesquisa ‘Hays Global Skills Index’ (acesse aqui e confira as pressões do mundo do trabalho que cada país sofre), identificou que muitas empresas têm sofrido com a escassez de competências e talentos, e aumentar a diversidade de sua força de trabalho ajudará a preencher essas lacunas de competências.

“Ao abrir as portas para a diversidade, as empresas terão acesso a uma nova gama de talentos e serão capazes de melhorar seu desempenho, aumentar o negócio e garantir um futuro de sucesso”, afirma Rodrigo Soares, diretor da Hays

Os benefícios da diversidade no local de trabalho são comprovados e tangíveis. Soares listou quatro dos mais importantes.

Inovação

Em um estudo da revista Forbes que contou com 321 grandes empresas globais, de pelo menos US $ 500 milhões em receita anual, 85% concordaram ou concordaram fortemente que a diversidade é crucial para promover a inovação em sua força de trabalho.

A inovação é um diferencial muito importante para muitas organizações, pois as permite chegar a novos serviços, produtos ou melhores formas de prestar esses serviços e produtos. “Se a empresa possuir uma força de trabalho diversificada, ela pode ter um enorme potencial criativo, pois quanto mais diversificada for a equipe, mais ideias serão apresentadas e maior é a chance de se obter o melhor resultado possível.”

Para Soares, uma força de trabalho que só emprega o mesmo tipo de pessoa só irá entregar velhas atitudes e soluções para problemas novos. “É bem provável que essa força de trabalho não consiga trazer as inovações que uma companhia precisa.”

Melhoria na atração e retenção de talentos

Soares também destaca que uma equipe diversificada também passa uma forte mensagem para os futuros candidatos, de que a sua organização tem um ambiente de trabalho verdadeiramente inclusivo, contribuindo assim para você se tornar um empregador mais bem visto. “Isso pode ser um diferencial muito eficaz para atrair talentos-chave no mercado”, afirma. “Os empregadores que criam parâmetros e limitam a diversidade, efetivamente limitam o número de candidatos que podem ser considerados e, portanto, sua capacidade para preencher a vaga com o melhor candidato possível também se limita.”

Outra vantagem, segundo o diretor da Hays, é que , quando os funcionários sentirem que podem ser quem realmente são no trabalho, a empresa ganha um benefício de retenção pessoal muito sólido. “Como especialistas em recrutamento, isso é algo que nós temos muita experiência e sabemos que os funcionários que se sentem valorizados em um ambiente de trabalho inclusivo, exigem razões importantes e convincentes para sequer considerar novas oportunidades de emprego”, destaca Soares.

Melhor desempenho financeiro

Estudos divulgados nos últimos anos, muitos com um foco particular sobre o impacto de melhorar o equilíbrio de gêneros, identificaram que a diversidade no ambiente de trabalho melhora o desempenho financeiro de uma companhia. No mês passado, a McKisney & Company publicou um relatório concluindo que se todos os países investissem na igualdade dos gêneros, o PIB mundial poderia aumentar em até US $ 12 trilhões até 2025.

"Hoje é vital ter diversidade no local de trabalho, pois melhora a produtividade e aumenta o leque de mão de obra qualificada”, diz Soares.

Cultura meritocrática

Diversidade também cria um ambiente onde os funcionários são encorajados a serem o melhor que podem ser independentemente do sexo, idade, deficiência ou nacionalidade. "A visão meritocrática impulsiona uma cultura de alto desempenho e todos têm igualdade de oportunidades para o progresso e são recompensados e promovidos com base no seu desempenho apenas",destaca Soares.

Idealmente em um local de trabalho que atua como uma verdadeira meritocracia, as melhores pessoas serão promovidas e as melhores ideias serão implementadas. “As pessoas que querem participar precisam se aplicar no trabalho, mostrar resultados e ganharem respeito, sendo então recompensadas e promovidas”, conclui.