Beneficência Portuguesa de São Paulo

Saiba como usar umidificadores de ar durante os dias secos

Release   •   Set 09, 2014 13:30 GMT

O calor dos últimos dias e os baixos níveis de umidade do ar devem se prolongar ao longo da semana, de acordo com o site Climatempo, favorecendo problemas respiratórios, principalmente nas crianças. “Obstrução nasal, coriza amarelada e tosse são sintomas de alguns problemas causados por essas condições. Lavagem nasal e nebulização melhoram a sensação de conforto, mas os umidificadores garante a boa qualidade do ar de um ambiente fechado, evitando doenças como rinites, asma”, explica a pediatra Wylma Hossaka, da Beneficência Portuguesa de São Paulo.

A pediatra recomenda o uso de umidificadores em potencia média, por cerca de 3h. “Isso melhora a qualidade do ar de 15% a 20%. Seu uso não pode ser durante a noite toda, ou quando a umidade do ar estiver acima de 60%. Um higrômetro pode ser usado para medir esse nível”, explica a especialista. Segundo ela, ultrapassar esse limite favorece a proliferação de bactérias e fungos que provocam alergias. “Se não tiver um umidificador em casa, também podem usar bacias d’água, ou toalhas molhadas, que também funcionam”, diz.

Nestes dias também é importante permitir a troca de ar, mas abrir as janelas pela manhã não é adequado. De acordo com a pediatra, neste momento há uma neblina, causada pela inversão térmica, que está mais carregada de poluição e agrava os problemas respiratórios. O ideal é aproveitar quando o ar estiver mais quente e não houver a neblina.

Caso a criança apresente dificuldade para respirar, congestionamento nasal e tosse, um pediatra deve ser procurado para realizar o diagnóstico e indicar o melhor tratamento. 


Sobre Beneficência Portuguesa de São Paulo 

Fundada em 1859, a Beneficência Portuguesa de São Paulo é a maior instituição hospitalar privada da América Latina, contando com aproximadamente 7.500 colaboradores e 2.200 médicos, e com uma gestão baseada na qualidade assistencial, humanização, ensino e pesquisa, além de um corpo clínico formado por renomados especialistas. A instituição é referência no atendimento médico hospitalar em mais de 60 especialidades, como cardiologia, oncologia, neurologia, gastroenterologia, ortopedia, urologia, entre outras. Atualmente, a Beneficência Portuguesa conta com três hospitais que somam mais de 2.000 mil leitos de internação. O Hospital São Joaquim, primeiro pilar da Instituição, realiza atendimento ao Pronto Socorro, UTIs, Internações e Cirurgias. Em 2007, foi inaugurado o Hospital São José, que se destaca pelo atendimento oncológico com padrões internacionais, entre outras especialidades. Em 2012, o Hospital Santo Antônio foi criado com o objetivo de oferecer atendimento a pacientes usuários do Sistema Único de Saúde, reforçando a responsabilidade social e carácter beneficente da Associação. Já em 2013, a Instituição criou o Centro Oncológico Antônio Ermírio de Moraes para ser um dos maiores e mais completos núcleos de tratamento de câncer no país.